novo horizonte fainor Visualizar

CRIME AMBIENTAL - Prefeitura apreende fogueiras em comércio ilegal de madeira nativa


Através de uma denúncia, a Secretaria de Meio Ambiente investigou o comércio de madeira nativas, próximo ao Shopping Boulevard. Após a verificação, constatou-se a venda desse produto, que é considerado ilegal pelo IBAMA.


Foram encontrados dez metros de madeira nativa. De acordo com Cledson Alves, coordenador de Licenciamento Ambiental, o eucalipto é o ideal para a comercialização.

‘’A gente recomenda madeira de reflorestamento, de origem plantada, pois ela desafoga a pressão sobre a vegetação nativa.  preciso ter cuidado com aquela que recebeu tratamento químico, ela também é proibida, pois as mesmas quando entram em combustão, são altamente poluentes’’, explicou.

REPORTAGEM RELACIONADA
EXCLUSIVO - Fogueiras consomem três mil árvores no sudoeste baiano

Para conseguir a autorização do comércio de madeiras, é necessário ter o Documento de Origem Florestal (DOF) ou Registro de Atividade Florestal (RAF), que pode ser solicitado na Secretaria de Meio Ambiente.

As madeiras apreendidas serão levadas para o herbário da Serra do Peri Peri. A comercialização de fogueiras com madeira ilegal é um crime ambiental previsto na Lei Federal nº 9.605/98. As denúncias podem ser feitas por meio dos telefones: (77) 3429-7902/7906. (Secom/PMVC)

Postar um comentário

0 Comentários