PREVISÃO DO TEMPO

sábado, 4 de novembro de 2017

Aprenda a fazer a redação do Enem passo a passo

moca-estudando-concentrada.jpg: Closeup shot of young woman taking down note in diary. Female student preparing note for the exam. Concentrated girl studying on a book and taking down note sitting at the desk.
O formato de redação escolhido por grande parte dos vestibulares, inclusive o Enem, é a dissertação-argumentativa. Esse gênero textual possibilita que o estudante construa uma tese inicial e defenda diferentes pontos de vista ao longo do texto. Separamos aqui algumas dicas para você construir um bom texto. Confira!
1) Veja o tema de redação e faça uma leitura cuidadosa da prova – Essa é a principal dica e vai influenciar todo o seu desempenho. Leia e releia a proposta e os textos de apoio. Dê uma lida também nas questões da prova. Pode ser que alguma informação ajude no tema da redação. Atenção: essa etapa é essencial para que você não fuja do tema.
2) Elabore o projeto de texto e escolha uma tese – Esse é o momento em que você deve escolher a sua abordagem e os argumentos que usará para defender sua tese. Separe as ideias principais sobre o assunto em um rascunho. Na tese, escolha um tema que você domine para argumentar e expor o seu ponto de vista.
3) Faça a primeira versão do texto – Nessa etapa do rascunho, preocupe-se com o conteúdo e não com a gramática. Foque sua atenção para organizar os argumentos da melhor forma. As ideias devem fazer sentido e devem estar ligadas entre si. Um texto bem amarrado valoriza a sua argumentação e fará com que o corretor não se sinta confuso ao lê-lo.
Lembre-se da estrutura básica da dissertação-argumentativa
IntroduçãoApresente o tema e o recorte que você fará dele. Evite fazer rodeios. É recomendável que a tese seja exposta para direcionar a leitura e mostrar sua linha de raciocínio. Lembre-se de que na dissertação seus argumentos devem ser usados para convencer quem estiver lendo.
DesenvolvimentoDefenda a sua tese apresentando ideias que a justifiquem, de forma consistente, e apresente seus argumentos. Essa parte é importante, por isso coloque tudo da forma mais clara possível para que o leitor compreenda seu ponto de vista. Para deixar organizado, uma dica é reservar um parágrafo para cada argumento, analisando todos os aspectos que você quer abordar.
ConclusãoRetome as ideias expostas na introdução, junto com os principais argumentos que a justificam para confirmar a tese e encerrar o debate. Diferente das outras redações, no Enem é nessa parte que você deve apresentar uma proposta de intervenção social. Para ser eficiente no conjunto, essa proposta deve surgir a partir dos pontos já levantados na argumentação.
4) Revise o texto: Agora é hora de corrigir a gramática e encontrar outros errinhos na sua redação. Caso tenha dúvida na grafia de alguma palavra, tente substituir por outra palavra ou expressão. Preste atenção para alguma frase sem sentido ou perdida no texto e avalie se há coerência entre as ideias.
5) Passe o texto a limpo: Finalmente, essa é a última etapa da redação. Por isso a importância de preparar seu texto em um rascunho. Respeite o limite de linhas e não coloque informações fora da área de correção.
Pronto! Agora é só entregar a prova e esperar pelo resultado.
Consultoria: Eclícia Pereira, professora de redação do Cursinho da Poli e GUIA DO ESTUDANTE Redação Vestibular + Enem

Conheça as mulheres que ocupam o Baralho do Crime da Bahia


Além do envolvimento com o tráfico de drogas e com organizações criminosas, as duas mulheres que atualmente integram o Baralho do Crime da Secretaria da Segurança Pública – ferramenta criada para estimular a participação da população na busca dos bandidos mais perigosos da Bahia – têm mais um fator em comum: a herança do tráfico deixada pelos ex-maridos.
Marisângela Soares de Sousa, 36 anos, a ‘Mari’, 10 de Copas, procurada por tráfico de drogas com atuação no bairro de Cidade Nova, passou a liderar a venda de entorpecentes na região após a morte do marido, o traficante Eberson Souza Santos, conhecido como ‘Piti’, na cidade de Candeias, Região Metropolitana de Salvador, em agosto de 2007, após enfrentamento com a polícia.
“Com a morte de ‘Piti’ ela herdou as atividades não só em Cidade Nova, mas também nas regiões de Pau Miúdo, Iapi, Santa Monica. Com certeza ‘Mari’ é alvo importante da polícia já que comanda uma organização criminosa”, declarou o diretor do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), José Bezerra.
O caso se repete com a Dama de Copas, Jasiane Silva Teixeira, conhecida como ‘Dona Maria’, que é procurada por tráfico de drogas e homicídio com atuação na cidade de Vitória da Conquista, sudoeste do estado.
Viúva do traficante e homicida Bruno de Jesus Camilo, o ‘Pezão’ – morto na cidade de Porto Seguro, em 2014, durante confronto com policiais civis – ‘Dona Maria’ passou a substituí-lo no gerenciamento do tráfico do município conquistense.
Outras duas mulheres já passaram pelo Baralho do Crime. Para conhecer os criminosos mais procurados do estado e contribuir com o trabalho da SSP na captura dos foragidos basta acessar o link http://disquedenuncia.com/baralho-do-crime/ e, caso reconheça algum deles, ligar para o Disque Denúncia através dos telefones (71) 3235-0000, para ligações realizadas em Salvador e Região Metropolitana, ou no 181 para as outras cidades baianas.

DESTAQUE

Cidade mais pobre do país fica na Bahia; veja top 10 dos mais ricos e pobres

Ficou na Bahia, mais especificamente no Nordeste do estado, o título de cidade mais pobre do Brasil. A ‘conquista’ é de um município que,...

AS 5 + LIDAS