PREVISÃO DO TEMPO

sexta-feira, 4 de agosto de 2017

BALANÇO DE JULHO - Cresce número de mortes nas estradas federais da Bahia

Resultado de imagem para ACIDENTE NA BR 116
Imagem: Acervo/Sudoeste Digital
Segundo a PRF, colisões frontais contribuíram para mortes nas rodovias

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) registrou, em julho de 2017, 62 mortes provocadas por acidentes de trânsito ocorridos nas estradas federais da Bahia. É o mês de julho mais violento dos últimos cinco anos, contrariando a tendência de redução observada a partir de 2013. A colisão frontal foi o tipo de acidente que mais contribuiu para o aumento dos óbitos.
Analisando-se os registros de acidentes do mês de julho de 2013, observa-se a ocorrência de 47 colisões frontais, nas quais 15 pessoas morreram. No mês inteiro, considerando todos os tipos de acidentes, 52 pessoas foram vítimas fatais.
No ano seguinte, 2014, no mesmo período foram 46 colisões frontais, resultado na morte de 14 pessoas. Somando-se os demais tipos de acidentes, julho de 2014 teve 51 óbitos nas rodovias federais do estado.
Em julho de 2015, 33 colisões frontais resultaram na morte de 18 pessoas. No período, somando-se todos os acidentes, 48 pessoas morreram.
No ano seguinte, tratando-se apenas do mês de julho, o número total de óbitos apresentou redução, caindo para 45, sendo 14 causadas por colisões frontais. Foram 32 acidentes desse tipo registrados no mês.
Já em 2017, a quantidade de colisões frontais subiu para 36, vitimando de maneira fatal 24 pessoas. No somatório de todos os acidentes de julho, 62 pessoas morreram.

Distribuição de óbitos por rodovia em julho de 2017:
BR
MORTES
116
23
101
10
324
9
242
7
020
4
418
3
110
2
407
2
330
1
410
1
TOTAL
62

Relação entre óbitos em colisões frontais e total de óbitos desde 2013:
ANO
MORTES EM COLISÕES FRONTAIS
TOTAL DE MORTES
2013
15
52
2014
14
51
2015
18
48
2016
14
45
2017
24
62

CONTINGENCIAMENTO
No início de julho, a PRF recebeu a determinação de que deveria readequar o seu funcionamento em todo o Brasil com o objetivo de cumprir o contingenciamento imposto a todos os órgãos do Poder Executivo Federal. Assim, após breve período de estudos da realidade local, a Superintendência da Bahia promoveu, a partir do dia 10, os ajustes necessários impostos pela nova disponibilidade orçamentária. Entre as medidas estão a suspensão das operações, a redução dos deslocamentos de viaturas que só podem, desde então, sair para atender acidentes com vítimas –, suspensão de operações aéreas, de escolta de cargas superdimensionadas e redução do expediente administrativo.
Analisando-se os números de acidentes registrados na Bahia de 10/07 até 31/07, observa-se um crescimento acentuado no total de mortes decorrentes de colisões frontais no comparativo com os mesmos dias de julho dos anos anteriores. De 2015 para 2016, houve uma pequena redução nas colisões frontais, saindo de 15 para 13. Com relação às mortes associadas a esses acidentes, foi notado ligeiro crescimento, saindo de sete para oito. Porém, em 2017 o aumento foi expressivo, chegando a 18 mortos em 25 ocorrências dessa natureza.

Nucom/PRF







LAVAGEM DE DINHEIRO - Polícia Federal determina afastamento do prefeito de Encruzilhada; presidente da Câmara Municipal é notificado

Resultado de imagem para Wekisley Teixeira Silva
Imagens: Acervo/ redes sociais
A Polícia Federal (PF) notificou, nesta sexta-feira, 4, o presidente da Câmara de Municipal de Encruzilhada, vereador Mêrques José Alves Rocha (Merquinho, PMDB), para que afaste de suas funções o prefeito Wekisley Teixeira Silva (Dr. Lei, PMDB) e um servidor público da área da saúde por tempo indeterminado, com base no artigo 17-D da Lei de Lavagem de Dinheiro.
A Autoridade Policial entendeu que a medida era necessária tendo em vista a comprovação de que ambos cometeram crimes de responsabilidade, fraude a licitação, lavagem de dinheiro e por serem integrantes de organização criminosa em investigação que apurou desvio de recursos públicos de uma cooperativa da área de saúde que atuava em diversos municípios da região sudoeste da Bahia.
Prefeito Wekisley Teixeira Silva (Dr. Lei, PMDB) é afastado do cargo por autoridade policial, com base na Lei de Lavagem de Dinheiro.
A cooperativa já havia sido objeto de denúncia em programa jornalístico nacional de grande repercussão, apontando diversas irregularidades nas licitações e nos contratos por ela assumidos.
Resultado de imagem para Wekisley Teixeira Silva
As investigações da Polícia Federal demonstraram que a organização criminosa teria lavado, pelo menos, R$ 6.232.407,00 (seis milhões, duzentos e trinta e dois mil, quatrocentos e sete reais) entre 2013 e 2014.
O afastamento do Prefeito e do servidor público deve ser cumprido imediatamente, sob pena de responsabilização civil e criminal.
Legislação
A Lei de lavagem de dinheiro prevê que com o indiciamento o servidor público será afastado e só poderá retornar com decisão judicial. Segundo a PF, o afastamento é consequência direta do indiciamento do prefeito e do outro servidor.
Celino Souza, editor - Notícias da Polícia Federal, com informações da Ascom/PF

LAVAGEM DE DINHEIRO - Polícia Federal determina afastamento do prefeito de Encruzilhada; presidente da Câmara Municipal é notificado

Resultado de imagem para Wekisley Teixeira Silva
Imagens: Acervo/ redes sociais
A Polícia Federal (PF) notificou, nesta sexta-feira, 4, o presidente da Câmara de Municipal de Encruzilhada, vereador Mêrques José Alves Rocha (Merquinho, PMDB), para que afaste de suas funções o prefeito Wekisley Teixeira Silva (Dr. Lei, PMDB) e um servidor público da área da saúde por tempo indeterminado, com base no artigo 17-D da Lei de Lavagem de Dinheiro.
A Autoridade Policial entendeu que a medida era necessária tendo em vista a comprovação de que ambos cometeram crimes de responsabilidade, fraude a licitação, lavagem de dinheiro e por serem integrantes de organização criminosa em investigação que apurou desvio de recursos públicos de uma cooperativa da área de saúde que atuava em diversos municípios da região sudoeste da Bahia.
Prefeito Wekisley Teixeira Silva (Dr. Lei, PMDB) é afastado do cargo por autoridade policial, com base na Lei de Lavagem de Dinheiro.
A cooperativa já havia sido objeto de denúncia em programa jornalístico nacional de grande repercussão, apontando diversas irregularidades nas licitações e nos contratos por ela assumidos.
Resultado de imagem para Wekisley Teixeira Silva
As investigações da Polícia Federal demonstraram que a organização criminosa teria lavado, pelo menos, R$ 6.232.407,00 (seis milhões, duzentos e trinta e dois mil, quatrocentos e sete reais) entre 2013 e 2014.
O afastamento do Prefeito e do servidor público deve ser cumprido imediatamente, sob pena de responsabilização civil e criminal.

Legislação
A Lei de lavagem de dinheiro prevê que com o indiciamento o servidor público será afastado e só poderá retornar com decisão judicial. Segundo a PF, o afastamento é consequência direta do indiciamento do prefeito e do outro servidor.
Celino Souza, editor - Notícias da Polícia Federal, com informações da Ascom/PF

Wesley Safadão é batizado em igreja evangélica durante retiro

Astro musical publicou foto ao lado de diversos pastores
O cantor Wesley Safadão, astro musical que arrasta uma legião de fãs por todo o Brasil, batizou em uma igreja evangélica. O sacramento ocorreu durante um retiro espiritual na Estância Paraíso, em Sabará, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, realizado pela Igreja Batista da Lagoinha. Além de Safadão, a mulher dele, Thyane Dantas, também se batizou.
"No aniversário do meu Casamento recebemos o maior presente que poderíamos receber: Três dias aprendendo muito sobre Deus e nos firmando cada dia mais como família! Hoje fechamos esses dias com um momento indescritível. Desci às águas declarando minha Fé e Meu amor por Deus!", postou o cantor em uma rede social.
Safadão tem 28 anos e já segue os preceitos da congregação há alguns anos. Ele é membro da Comunidade Cristã Videira, liderada pelo pastor Costa Neto. 
No Instagram, ele publicou uma foto ao lado de pastores, dentro de uma piscina, com a legenda: "... Nunca vamos esquecer esse dia de hoje! Deus preparou tudo. Ninguém faz nada Melhor do que Ele! (...) Deus é maravilhoso! Ele une os que são dEle! Nossa turma no #Moriá2017 vai marcar pra sempre nossa História! #Deusnaoabremaodevoce".


DESTAQUE

BAHIA - Júri Popular absolve PM por homicídio ocorrido há 17 anos

O sargento da polícia militar do Estado da Bahia Robenes Ramos dos Santos foi absolvido do caso do homicídio de Fábio Pereira Correia oco...

AS 5 + LIDAS