PREVISÃO DO TEMPO

sexta-feira, 21 de julho de 2017

Caatiba: fazendeiro desaparece quando tentava atravessar o Rio Catolé

Resultado de imagem para rio catolé em caatiba
Um fazendeiro está desaparecido no Rio Catolé, no município de Caatiba, no Sudoeste da Bahia, desde à tarde da última terça-feira (18). O homem, identificado apenas pelo prenome de Arnaldo, estava montado em um burro, quando tentou atravessar o rio e acabou sendo carregado pela correnteza. O caso aconteceu na região da Cachoeira Grande, zona rural do município, e mobilizou vários moradores da localidade.  Eles fizeram buscas em diferentes pontos e encontraram o animal e um alforje, mas a vítima ainda não foi encontrada. Por causa das constantes chuvas, o rio está bastante cheio, o que tem dificultado as buscas, inicialmente, feitas por moradores. Uma equipe do Corpo de Bombeiros de Vitória da Conquista,  também no sudoeste do estado,  está na cidade de Caatiba e os mergulhadores estão no local fazendo as buscas.

(Itapetinga Repórter)

Luto em Caetité: morre o ex-prefeito José Ladeia




Faleceu nesta sexta-feira (21 de julho) o ex-prefeito José Augusto Teixeira Ladeia. De tradicional família da política caetiteense, governou a cidade no período de 1967 a 1970, ocasião em que deu início à pavimentação com paralelepípedos nas suas vias principais até então calçadas com pedras irregulares, além de outras iniciativas que o fizeram figurar numa matéria da revista O Cruzeiro.
Apesar de não mais exercer cargo eletivo desde então, sempre teve grande influência nos destinos da cidade; casado com a prima Evani, mais conhecida por Ninita, com ela teve sete filhos, dentre os quais o também já falecido ex-Prefeito Ricardo de Tadeu Ladeia.
Por sua importância na história da cidade, o prefeito Aldo Gondim decretou luto oficial e, em nome de todos os caetiteenses, manifesta o enorme pesar a todos os familiares e amigos. 

Novo esquema de “pirâmide” quebra e provoca prejuízo em cidades do Sul e Sudoeste; Sudoeste Digital já havia alertado

Conforme alertado pela jornalista Jussara Novaes, do Sudoeste Digital (VEJA AQUI), mais um esquema de "pirâmide" financeira desmoronou e deixou milhares de investidores lesados. Desta vez foi o D9 Clube, que atraía investidores em apostas de jogos de futebol. Na última semana a ‘zebra’ passeou pela rodada do Brasileirão e um apostador do município de Potiraguá  faturou um prêmio acima de R$ 100 mil reais. Estima-se que no município  outros apostadores estão na espera de receber seus prêmios. O valor total já supera mais de  R$ 600 mil.

SAIBA MAIS:

“D9 CLUBE” NÃO PAGA E INVESTIDORES ESTÃO INDIGNADOS

As regiões Sul e Sudoeste da Bahia tiveram suas economias seriamente prejudicadas em 2013 pelo Marketing Multinível, também conhecido como Marketing de Rede, com a Telexfree e a BBOM. Em 2016 uma nova modalidade apareceu nas cidades, o D9 Clube, e várias pessoas investiram no projeto na expectativa de muito lucro a curto prazo.

O problema é que desde o início do ano que a D9 Clube parou de pagar aos investidores, e até bloquearam as contas dos investidores. Isso tem causado uma grande indignação, á que teve gente que investiu até R$ 300 mil no Marketing Multinível ligado ao futebol.

Na rede social vários investidores estão atacando o “D9 clube”, pessoas declarando que não tem mais esperança de recuperar o investimento, pois o presidente da D9, Danilo Santana, não apresenta uma resposta sobre a situação e desapareceu.

No site da empresa foi divulgado um comunicado sobre a situação. Veja abaixo.

“Com tantos obstáculos a superar. Recebemos críticas que nos levam a uma nova direção. Um ano e meio de D9, um tempo de grande conquista – e muitas lições aprendidas. Criamos ajustes no sistema de pagamento, evitando mudanças no plano de compensação para não comprometer a principal característica de D9: respeito a você, afiliado.

Os falsos líderes têm feito muito para desqualificar nossos negócios, seduzindo pessoas de boa fé com benefícios financeiros e mentirosos sobre informações que os beneficiariam, isso fez com que algumas pessoas fossem para outras empresas. Há inclusive aqueles que nos devem, milhões de dólares em saldos comprados, mas não pagam. Outro desafio foi o ataque de hackers – nós fomos alcançados, mas agora estamos preparados e seguros.”

PIRÂMIDES DISFARÇADAS

Grupos de golpistas 'piramideiros' resolveram virar as baterias para tentar enganar e explorar as pessoas usando o universo das apostas esportivas on line como desculpa. Depois de inventarem produtos no ramo da telefonia (Telexfree), produtos alimentícios, perfumaria, automotivos, sempre como uma fachada para explorarem as pessoas através de piramide financeira, agora estão explorando apostas esportivas como o disfarce para a criação de mais um esquema de piramide

Este tipo de atividade ilícita tem se proliferado no Brasil e tende se agravar com o país vivenciando uma crise financeira. Isso vira um cenário ideal para a sedução que este tipo de golpe gera em suas vitimas prometendo dinheiro fácil e rápido. Só de observar os envolvidos neste novo golpe, diversos ex-piramideiros, já percebemos todo o esquema das piramides.

Colaborou: Políticos Sul da Bahia

Assassino que matou músico e roubou teclado pode ter enviado mensagem pelo zap; vítima postou instrumento à venda nas redes sociais

Foto: Blitz Conquista

Fotos: Redes sociais/arquivo pessoal
Jussara Novaes (Vitória da Conquista) - O assassino do músico Cícero Rocha, 30 anos, morto a golpes de chave de fenda e estrangulamento por fio, em sua casa - no conjunto habitacional no Bairro Vila Elisa, na noite dessa quinta-feira, 20, pode ter entrado em contato com a vítima demonstrando interesse em um teclado que foi posto à venda em anúncios nas redes sociais. 
A imagem pode conter: 1 pessoa

O instrumento foi roubado pelo criminoso, que foi recebido em casa pela vítima. Não há sinais de arrombamento e não se descarta a participação de um segundo bandido no crime, nem a subtração de mais objetos. O corpo foi encontrado por volta das 18h30 por um parente, no quarto onde Cícero, mais conhecido como "Ceará", utilizava como estúdio para gravações. 

A imagem pode conter: tela

A vítima estava com um fio amarrado no pescoço e várias perfurações no corpo provocadas por uma chave de fenda. Para a polícia, dentre as várias linhas de investigação a que ganha mais força é a de que o criminoso tenha visto o anúncio, simulado a compra e, após contato por telefone com Cícero, ter ido à casa e consumado o latrocínio (matou para roubar). Ele também revendia objetos deixados em comodato por terceiros.
Nenhum texto alternativo automático disponível.
Testemunhas contaram que os criminosos teriam chegado no local, em um veiculo não identificado, e logo após fugiram levando o instrumento do músico. Esse é o 4º homicídio registrado no mês de julho, e o 84º no ano em Vitória da Conquista.A perícia irá analisar o celular do músico.
A imagem pode conter: 1 pessoa

DESTAQUE

BAHIA - Júri Popular absolve PM por homicídio ocorrido há 17 anos

O sargento da polícia militar do Estado da Bahia Robenes Ramos dos Santos foi absolvido do caso do homicídio de Fábio Pereira Correia oco...

AS 5 + LIDAS