quinta-feira, 18 de maio de 2017

O GLOBO - Temer volta atrás e diz que não vai renunciar

Presidente Michel Temer (Foto: AFP 13/12/2016)

O presidente Michel Temer voltou atrás, depois de estar pronto para anunciar sua renúncia ao cargo. Ele chegou a conversar a respeito com alguns ministros de Estado e, pessoalmente, acompanhou a redação do pronunciamento que fez na tarde desta quinta-feira, 18.
Rodrigo Maia (PMDB-RJ), presidente da Câmara dos Deputados, inclusive, já teria sido avisado sobre a decisão de Temer, mas ele voltou atrás. A Secretaria de Comunicação Social da presidência da República suspendeu a veiculação de peças de propaganda do governo que estavam no ar ou que poderiam ir ao ar.

As informações são de Ricardo Noblat (O Globo)

VÍDEO - CDL propõe reforma imediata da 9 de Novembro para "dar uma resposta" aos artesãos



Por Jussara Novaes (Da Sucursal Sudoeste) - Um vídeo de 56 segundos reabre as discussões sobre a “Limpeza Social” proposta pela Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) contra os artesãos no centro da cidade.

“Eu acredito que uma forma que nós temos pra dar uma resposta pra eles é começar, imediatamente, a reforma da praça. Se a gente começar logo a reforma da praça tem uma justificativa”, sugere a presidente da CDL, Sheila Andrade, em um trecho da gravação. 

- Sheila Andrade, presidente da CDL

A reunião aconteceu na noite de terça-feira, 16, na sede da Coopmac.



Em outro trecho do vídeo ela fala que “está se tomando um relacionamento político quanto a isso”. A presidente faz referência direta aos hippies quando diz: “Eles estão lá, disseram que vão resistir, como estão resistindo e o que a gente pode fazer agora com isso?”

Além do prefeito Herzem Gusmão (PMDB) e do vereador Gilmar Ferraz (PMDB), estavam presentes o presidente da Coopmac, Jaymilton Gusmão, secretários de governo e membros e do Movimento Pró-Conquista.

Todos, ao redor da mesa de reuniões, escutam Sheila Andrade falar sobre o assunto, enfatizando que (eles) estão traçando um paralelo entre sua mãe, a vice-prefeita Irma Lemos (PTB), e a sua condição de filha enquanto presidente da CDL.

“Eles (hippies) estão usando na mídia o nome da minha mãe. Porque eu sou presidente da CDL e Irma é vice-prefeita. Então fica assim, o tempo todo, usando esse paralelo. Ó, dona Irma não falou nada, porque não é da secretaria dela (Secretaria de Desenvolvimento Social)”, continua.

Na sequência, a presidente enfatiza que a mãe dela não teve participação no caso. “Ela, como vice-prefeita, não opinou em nada. Foi uma coisa que a gente fez cá, nos ‘serviços públicos. Foi com Esmeraldino (Esmeraldino Correia, secretário de Serviços Públicos) e fica essa coisa. Fica levando pra essa parte política”.

Na parte final do vídeo, Sheila Andrade faz uma cobrança: “A gente precisa tomar um posicionamento quanto a isso”. É quando ela fala da resistência dos hippies e finaliza sugerindo a imediata reforma da praça como justificativa para a retirada dos artesãos.

Durante a reunião, chegou-se ao acordo de que, a partir do dia 3 de julho, começam as obras da revitalização do centro comercial da cidade. As partes acertaram que uma parceria público-privada deverá viabilizar a iniciativa. Os valores e as condições em que as obras serão executadas não foram informados.

Em nota, a Prefeitura destaca apenas que “os recursos para a maior parte das obras serão arrecadados pela CDL junto a um grupo de empresários” e que “a reforma dos passeios em frente a cada estabelecimento será custeada por seus respectivos proprietários. À Prefeitura, caberá promover o que for necessário de pavimentação nas vias do centro”.

Em nota, o prefeito Herzem Gusmão justifica as reformas na praça. “As obras vão começar pela padronização dos passeios. Muitas pessoas reclamam, sofrem acidentes, quedas, devido aos nossos passeios acidentados, cheios de buracos, irregulares, sem uma padronização. A cidade vai ficar linda”, ressaltou.

Herzem Gusmão informou, ainda, que a escolha do dia 3 de julho se justifica por permitir que a obra esteja concluída a tempo dos festejos natalinos. “Em breve, estaremos apresentando esse projeto. Mas hoje nós definimos a data do início das obras, 3 de julho, para que no mês de dezembro Conquista tenha um comércio revitalizado, belo, mais agradável”, concluiu.

A elaboração do projeto envolve a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e outras entidades representativas do setor. “É um projeto que já foi discutido por muito tempo. Faltava esse início”, afirmou a presidente da CDL, disse a presidente da CDL, em entrevista ao site da Prefeitura.

DESTAQUE

VÍDEO - Polícia de SP prende motorista que transportaria drogas para Vitória da Conquista.

Jussara Novaes (Com informações do SP no AR/Record) - O motorista Clodoaldo Dias, d idade não informada, foi preso em flagrante quando ...

AS 5 + LIDAS