PREVISÃO DO TEMPO

sexta-feira, 28 de abril de 2017

Reviravolta no caso Zé Mayer: Saiba por que Su Tonani não quis processar o ator


Uma reviravolta pode mudar o caso envolvendo o ator José Mayer, que foi acusado de assédio sexual pela figurinista Su Tonani. O colunista Léo divulgou que a moça não quis dar sequência ao processo justamente porque manteve um relacionamento extraconjugal com o artista, que é casado com a produtora Vera Farjado.
De acordo com a publicação, os dois terminaram e Su já estava com outra pessoa quando o ator passou a investir novamente. Alguns funcionários da TV Globo, por sinal, revelaram, que os dois chegavam juntos no carro do ator para as gravações nos estúdios da emissora e ela chegava a ficar com a chave do carro dele.
Ainda segundo o colunista, Su esteve na Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro e fez o pedido de cancelamento da acusação criminal, após acusar publicamente que José Mayer colocou a mão em sua vagina em fevereiro deste ano, nos bastidores da novela 'A Lei do Amor'.

Publicado originalmente em IG/Leo Dias (http://leodias.odia.ig.com.br/2017-04-28/reviravolta-no-caso-ze-mayer-saiba-por-que-su-tonani-nao-quis-processar-o-ator.html)

quinta-feira, 27 de abril de 2017

Figurinista vai à defensoria e encerra processo contra José Mayer

Resultado de imagem para su tonaniImagem relacionada

O ator José Mayer conseguiu se livrar do processo por assédio após a figurinista Su Tonani decidir não denunciá-lo.

De acordo com a coluna de Leo Dias, a funcionária da TV Globo compareceu à Defensoria do Estado do Rio de Janeiro e optou por encerrar o caso.

“Considerando as diversas mensagens recebidas originárias desta delegacia visando a possível apuração dos fatos, informa que não deseja representar criminalmente em face de José Mayer”, diz o documento, ratificado pela defensora pública Arlanza Rebello.

Tonani relatou que Mayer teria colocado a mão em sua genitália nos bastidores da novela "A Lei do Amor" e denunciou o caso em textos publicados no Facebook e na Folha de S. Paulo. Caso gerou a campanha #MexeuComUmaMexeuComTodas e o ator, após negar, acabou por assumir o crime.
 
Fonte: Noticias ao minuto        

Conheça a história de Adriel, o jovem transexual que recebeu apoio da faculdade para mudar de nome



O verão de 2014 entrou para a história da vida de Adriel. Em fevereiro daquele ano, ele conquistaria pela primeira vez o direito a ter sua identidade masculina reconhecida de forma institucional.

Nascido com o sexo feminino e batizado como Adriele Souza Silva, o conquistense de 21 anos obteve o reconhecimento ao se matricular no curso de Publicidade e Propaganda da FTC de Vitória da Conquista. “A FTC foi o primeiro lugar que me respeitou mesmo. Na matrícula, pedi para mudar o nome para Adriel e isso foi feito em três dias. Mudou nas provas, na chamada… Eu fiquei muito surpreso e grato com a FTC”, declarou. Após cursar quatro semestres, Adriel resolveu mudar de curso e hoje está na área de saúde, estudando em um curso técnico de Enfermagem, onde busca reforçar sua identidade masculina estando em um corpo feminino – Adriel é transexual, pessoa cujo gênero biológico se difere da identidade sexual.

Mas seus laços com a FTC não foram cortados. No início deste ano, ele procurou o NPJ (Núcleo de Práticas Jurídicas) da faculdade para auxiliá-lo a dar entrada num processo de requalificação civil, com o objetivo de mudar o nome em seus documentos oficiais e ter sua identidade sexual reconhecida pela Justiça.

“Desde infância e início da adolescência, vi que tinha algo de errado comigo. Até me assumi como lésbica, mas não era aquilo ainda”, conta Adriel, segundo o qual ele decidiu pela identidade masculina na adolescência. “Com 20 anos, eu comecei a fazer tratamento hormonal e outros exames, pois tinha mais certeza do que queria”, disse ele, cuja aparência em nada lembra uma mulher. Adriel procurou o NPJ por influência de uma amiga que estuda na FTC.

No momento, ele está providenciando a documentação necessária para entrar com o processo, que envolve ainda provas testemunhais. “As pessoas do NPJ estão procurando me ajudar e estou vendo que não estou sozinho, isso para mim é muito bom”, destacou.

Exemplo

E, para além da mudança de nome e reconhecimento por parte da Justiça da sua identidade de gênero, Adriel quer servir de exemplo para que outras pessoas transexuais busquem seus direitos. “Tenho um grupo de amigos ‘trans’ e ao menos três deles estão procurando ajuda para entrar com o processo e ter maior respeito e aceitação social. Isto porque”, diz ele, “a transexualidade ainda é pouco compreendida pelas pessoas, o que acarreta, muitas vezes, constrangimentos, como ir a um consultório médico e ser chamado pelo nome de batismo”.


“Outro dia fui numa loja e precisei mostrar a identidade, só que a pessoa brigou comigo querendo saber quem é a ‘dona da identidade’. Eu falei que era eu, mas teve de chamar a gerente porque ela não acreditou, achava que estava fazendo-a de besta. Tinham muitas pessoas na fila que ficavam olhando sem entender direito”, conta. Na família, Adriel afirma que encontrou barreiras, mas depois as pessoas foram mais compreensivas. “Ninguém imagina ver você crescer de uma forma, depois estar de outra e já querer ser reconhecido como menino”, disse, informando que para todos “foi um choque”. A situação foi contornada aos poucos, quando ele passou a conversar com membro da família de cada vez: “Minha mãe foi mais tranquila, ela me ajudou a conversar com outras pessoas, como minha vó. Hoje, se alguém pergunta se eu sou neto dela, minha avó já associa, mas ela ainda não aceita totalmente, pois ela é evangélica e tem os princípios dela, e eu respeito isso também.”

Primeiro caso

No NPJ da FTC este é o primeiro atendimento feito relacionado a transexualidade, mas já houve outros atendimentos a casais homoafetivos que desejavam adoção de crianças. Criado em 2008, o NPJ da FTC realizou até dezembro do ano passado 15.917 atendimentos, 2.544 conciliações de casais em estado de separação, 3.049 audiências, 65 exames de DNA (iniciados em 2012) e está com 1.656 processos ativos, dos 3.665 que deu entrada.

No núcleo, quem acompanha Adriel é a estudante Samara Mira, do 9º semestre de Direito. “É muito importante para eles sim, é um direito querer mudar o nome. Acho que seria um grande avanço se o judiciário colaborasse com isso. Procurar o núcleo é muito importante para encorajar os outros também”, comentou a estudante. Segundo informou a professora e advogada Maria Vitória Dias Amorim, uma das profissionais que atuam no núcleo, orientando os estagiários de Direito da faculdade, o judiciário está sedimentando uma pacificação sobre o entendimento do tema.

“Estão estudando, por exemplo, se é necessário fazer uma transgenetização [cirurgia para troca de sexo] ou se não é. O STJ [Superior Tribunal de Justiça] já vem entendo que não é preciso”, disse Maria Vitória. Outra dificuldade é que em alguns casos o judiciário, para autorizar a troca de nome, pede laudo que ateste que a pessoa transexual não está sofrendo um suposto transtorno de identidade de gênero, como define a OMS (Organização Mundial de Saúde) na CID (Classificação Internacional de Doenças) F64. No caso de Adriel, ele afirma não ter dúvida alguma sobre sua identidade sexual e acha desnecessário provar isto por meio de um exame mental. Com relação a cirurgias, o jovem informou que, por enquanto, pretende retirar apenas os seios.

Quem vai julgar?

Diante de tanta falta de entendimento, outro problema que acaba surgindo é nas próprias varas judiciais, as quais se julgam incompetentes para julgar os casos e estes vão para o Tribunal de Justiça, em Salvador, para que seja decidido quem julgará o tema. Os conflitos são entre a Vara da Família e a de Registro Público. A professora de Direito da Família da FTC, Glenda Félix, lembra que está pendente no STF (Supremo Tribunal Federal) ação de inconstitucionalidade para que o artigo 58 da Lei de Registros Públicos (Lei 6.015/73) seja interpretado de acordo com a Constituição, indo pelo princípio da dignidade da pessoa humana.

“Mas o juiz pode dar a sua interpretação, se pode fazer ou não a mudança de nome [sem a necessidade da cirurgia]”, declarou a professora. Em 2015, a OMS anunciou que estuda mudança na CID F64. A entidade diz que já não classifica o transgeneridade como uma condição patológica. A condição emocional causada pela insatisfação do indivíduo transgênero é hoje tratada como “disforia de gênero”, uma condição que exige intervenção especializada para adaptar o corpo do paciente à imagem que ele tem dele mesmo. “É crítico ressaltar que os transgêneros passam por aflição emocional resultada não só da pressão externa, da discriminação, mas também da insatisfação causada por estar em um corpo que não corresponde à sua identificação de gênero”, ressalta Rafael Mazin, conselheiro sênior do Escritório da OMS nas Américas, em comunicado oficial.

(Por Mário Bittencourt/ Ascom-FTC Vca)

SSP-BA e Comando da PM desmentem paralisação de policiais na sexta-feira (28)

Por meio de nota divulgada para imprensa, nesta quinta-feira (27), a Secretaria da Segurança Pública e o Comando-Geral da PM informam que o policiamento em toda Bahia será mantido nesta sexta-feira (28), quando acontece uma greve geral de diversas categorias.
 
A SSP-BA e o Comando da PM afirmam ainda que mensagem que circula nas redes sociais apontando uma possível paralisação, atribuída a Associação de Praças da Polícia Militar é falsa.
 
 
A secretaria enfatiza que será garantido o direito democrático dos baianos protestarem, e ressalta que havendo bloqueio de rodovias, estradas, ou qualquer tipo de via, serão adotados os protocolos para liberação do trânsito, pois é preciso garantir também o direito de ir e vir do cidadão que não aderiu ao movimento. 

CONQUISTA - Estudantes protestam com ‘Fora Temer’ durante evento do FNDE

Milhares de pessoas participam nesta quinta-feira (27) no campus avançado da Universidade Federal da Bahia (UFBA), em Vitória da Conquista, do evento FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação) em Ação. (Leia abaixo sobre o evento)
A solenidade de abertura contou com a participação do Ministro da Educação, Mendonça Filho, do prefeito de Salvador, ACM Neto, o prefeito de Vitória da Conquista, Herzem Gusmão, e diversos deputados, prefeitos, vereadores e educadores de toda a região Sudoeste.
Durante a abertura, um grupo de estudantes protestou do lado de foram do auditório. Com batucada e cartazes, os jovens gritavam ‘Fora Temer’. O grupo foi contido por seguranças do Governo Federal, que buscaram impedir a entrada dos estudantes no auditório.

Durante o evento, o presidente do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), Silvio Pinheiro, anuncia a liberação de R$ 110 milhões para prefeituras do estado da Bahia.Segundo o órgão, R$ 13 milhões serão destinados à retomada de obras paradas em escolas, creches e quadras poliesportivas.

Já R$ 74 milhões serão usados na construção de novas creches e R$ 23 milhões serão investidos na aquisição de 107 ônibus do Caminho da Escola, que beneficiarão 86 municípios baianos.
A imagem pode conter: 4 pessoas, pessoas em pé e área interna

A imagem pode conter: 17 pessoas, multidão

O anúncio acontece em Vitória da Conquista, sudoeste do Estado, e faz parte da política do FNDE para tentar reaproximar as prefeituras do Brasil. “Nosso compromisso é garantir que os prefeitos retomem suas obras, gerem emprego, façam a economia girar e, principalmente, queremos assegurar que nossas crianças tenham acesso a uma educação de qualidade. Nós encontramos um cenário muito ruim na Bahia, muitas obras paralisadas e muitas por iniciar, muitos pedidos de ônibus escolares não atendidos, e nosso esforço é no sentido de mudar esse quadro”, destacou Pinheiro em nota enviada à imprensa. Também serão entregues ônibus do Caminho da Escola para os prefeitos dos municípios beneficiados, durante o evento.

(Colaborou: Rodrigo Ferraz)

Vídeo: Bandido que assaltou caminhoneiro conquistense morre em confronto com a ROTA

4Um dos bandidos que assaltaram o caminhoneiro conquistense Alexandrino Batista, morreu ontem (26) em confronto com a ROTA de São Paulo, o outro conseguiu fugir. O fato aconteceu na via Dutra, uma das mais movimentadas do pais, que liga São Paulo ao Rio de Janeiro. 

Veja a reportagem:





(Bog do Léo Santos)

ITABUNA - SINDICATO DOS COMERCIÁRIOS MANTÉM GREVE E ACUSA CDL DE “ESTIMULAR VIOLÊNCIA”

Comércio de Itabuna vive impasse entre patrões e empregados (Foto Arquivo)

Enquanto patrões, via Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), sustentam que lojas abrirão normalmente amanhã (28), a direção do Sindicato dos Comerciários de Itabuna lembrou que, em assembleia no último dia 13, os trabalhadores decidiram aderir à greve geral. “Diante disso, o Sindicato dos Comerciários vem a público reafirmar que o comércio de Itabuna não funcionará nesta sexta-feira, 28 de abril”, cita, em nota. A greve geral foi convocada para esta sexta (28) em protesto contra as reformas da Previdência e Trabalhista, propostas pelo Governo Temer.

Para a direção da Sindicato dos Comerciários, que representa os empregados, ao insistir em abertura do comércio na próxima sexta, a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Itabuna “comete um ato irresponsável, pois não é da sua competência determinar se os trabalhadores farão greve ou não”.

Ainda em nota oficial, a direção do sindicato dos empregados frisa ser a greve “um direito consagrado na Constituição Federal”. Por fim, a nota aponta para a possibilidade de, ao assumir este posicionamento, tanto a CDL como outras entidades patronais, “acirrar os ânimos e estimular a violência por parte de alguns lojistas”.

BANCÁRIOS E RODOVIÁRIOS ADEREM

Ainda para a direção do Sindicato, não existe clima para o funcionamento do comércio de Itabuna na próxima sexta, por causa da greve geral dos trabalhadores das empresas de ônibus e dos bancários. E, ainda, cita que a própria categoria dos comerciários aprovou participação na greve geral desta sexta. “De forma pacífica, garantiremos o livre exercício ao direito de greve e solicitamos que impere o bom senso e a maturidade entre os lojistas”.
Este site não conseguiu contato com a direção da CDL. Apesar de insistir que não haverá greve, a entidade não emitiu nenhuma nota oficial até o momento. Confira a íntegra da nota do Sindicato dos Comerciários ao clicar no “leia mais”, abaixo.


A GREVE É DOS TRABALHADORES! CDL E ENTIDADES PATRONAIS ESTIMULAM A VIOLÊNCIA.

No dia 13 de abril do corrente ano, os trabalhadores e trabalhadoras no comércio de Itabuna deliberaram pela adesão à Greve Geral convocada pelas centrais sindicais, contra as reformas da Previdência e Trabalhista, além da Terceirização. Diante disso, o Sindicato dos Comerciários vem a público reafirmar que o comércio de Itabuna não funcionará nesta sexta-feira, 28 de abril.
Muito nos estranha uma entidade como o CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas), que representa o segmento patronal, se posicionar contra a greve, um direito constitucional dos trabalhadores. No entendimento do Sindicato dos Comerciários de Itabuna, ao noticiar que não haverá greve, o CDL, comete um ato irresponsável, pois não é da sua competência determinar se os trabalhadores farão greve ou não. Ao tentar impedir um direito consagrado na Constituição Federal, a Câmara de Dirigentes Lojistas de Itabuna e demais entidades patronais conseguem, tão somente, acirrar os ânimos e estimular a violência por parte de alguns lojistas.
De forma pacífica, garantiremos o livre exercício ao direito de greve e solicitamos que impere o bom senso e a maturidade entre os lojistas, já que não existe nenhum clima para o funcionamento do comércio Itabuna, em virtude da greve aprovada pela categoria comerciária, pelos trabalhadores de transporte coletivo e bancários.

Sindicato dos Comerciários de Itabuna

Fonte: Pimenta Bog

Servidor da Receita Federal preso com drogas e pistolas pela PRF em Conquista

A imagem pode conter: comida
A PRF – Polícia Rodoviária Federal apreendeu na noite dessa quarta, 26, drogas, armas, munições e medicamentos utilizados como anabolizantes. Todo material era transportado por dois suspeitos a bordo de um veículo.
O Grupo de Patrulhamento Tático e o Núcleo de Operações Especiais da PRF – Polícia Rodoviária Federal, realizavam operação no posto do km 830, em Vitória da Conquista, quando abordaram o veículo Chevrolet Cobalt, que ostentava placa policial de Belo Horizonte.
Ao averiguar o carro, constataram que havia material escondido no carro. Foram encontradas três pistolas de calibres .380 e .40, trezentas munições de vários calibres, carregadores, quinze barras de cocaína e crack, além de caixas de medicamento utilizado como anabolizante e dois silenciadores.
Os suspeitos, de pre nomes Lúcio e Flávio, disseram a nossa reportagem que receberam os ilícitos em Ponta Porã, município brasileiro do estado do Mato Grosso do Sul, Região Centro-Oeste do país, que faz divisa com a cidade de Pedro Juan Caballero, no Paraguai.
Lúcio e Fábio não quiseram informar o destino final do material, entretanto, ambos são sergipanos.
O veículo apreendido é locado.
O que chamou atenção dos policiais é que Lúcio é servidor público lotado na Receita Federal.
Todo material apreendido, o veículo e os suspeitos foram apresentados no Disep em Vitória da Conquista. 

Fonte: Blitz Conquista

quarta-feira, 26 de abril de 2017

Empossados novos juízes na comarca de Itapetinga

Após enfrentar uma crise sem precedentes, o judiciário de Itapetinga-BA, a 560 km de Salvador, inaugura hoje (25) um novo tempo, com a posse dos quatro magistrados promovidos para a Comarca local. Para a Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) na cidade do sudoeste baiano, a expectativa é que a partir de agora sejam movimentados numerosos processos que foram acumulados ao longo de um período de quase um ano sem juízes titulares na Justiça Comum.
Em evento realizado nesta terça-feira pela OAB de Vitória da Conquista, o presidente da Subseção de Itapetinga, Fabrício Moreira, comemorou a posse dos magistrados e agradeceu a todos que colaboraram para que a crise fosse vencida. “Esse grito de Itapetinga foi ouvido nacionalmente”, disse ele. Fabrício também falou contra a possibilidade de fechamento de comarcas no interior.
Foram empossados Luiz Sérgio dos Santos Vieira (1ª Vara dos Juizados), Álerson do Carmo Mendonça (1ª Vara Cível), Mário José Batista Neto (2ª Vara Cível) e Egídio Lima Lopes (Vara Crime). Entretanto, apesar da boa notícia, a população ainda vai aguardar alguns dias até que os cartórios voltem realmente a funcionar normalmente. É que há juiz que só iniciará efetivamente suas atividades a partir dos próximos 15 dias, mas o titular da 2ª Vara, por exemplo, já estará trabalhando na próxima quinta-feira (27).
A promoção dos novos juízes é considerada uma vitória para a OAB de Itapetinga, que vinha travando uma verdadeira batalha com o Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) na tentativa de resolver a crise do judiciário no médio sudoeste. Além da população itapetinguense, os moradores do município vizinho Itambé também vivenciam situação semelhante e sofrem inclusive com a ameaça de ter a comarca desativada. 
Em razão da falta de juízes em Itapetinga, a classe advocatícia vinha amargando sérios prejuízos e tendo dificuldades para explicar o atraso nos processos para seus clientes. Desde que todos os magistrados foram removidos em julho do ano passado, Fabrício Moreira começou a denunciar o problema para a imprensa local e para os órgãos competentes.
A luta da OAB culminou na realização de um evento no início deste mês com a presença de vários presidentes de subseções, do presidente da Seccional baiana, Luiz Viana Queiroz e do Conselheiro Federal da OAB Fabrício Castro, que também é membro da Comissão de Relações Institucionais da entidade e ajudou significativamente no processo de diálogo com o TJ-BA. Na ocasião, os advogados realizaram um protesto, amplamente divulgado nos meios de comunicação da região. A situação do judiciário local ganhou destaque na mídia, tornando-se conhecida em todo o Estado.

Fechamento de comarcas preocupa 

advogados do interior baiano

Ainda em Conquista, o presidente da Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de Itapetinga, Fabrício Moreira, participou de um Ato Público contra a desativação/agregação de Comarcas realizado pela Subseção de Vitória da Conquista. Durante o evento, também foi abordada a necessidade de designações de juízes titulares para as comarcas de Poções, Tremedal e Condeúba.
O principal assunto em pauta no evento é uma das maiores preocupações da classe advocatícia no sudoeste baiano, já que o Poder Judiciário avalia desativar cerca de 100 comarcas no Estado para contornar o problema da falta de juízes e escassez de recursos orçamentários que impede a contratação de novos magistrados e servidores necessários.
Toda vez que se fala em orçamento, ouvimos a justificativa do famigerado limite prudencial (percentual máximo possível para gastos com pessoal), porém nunca é aberta a caixa preta dos supostos supersalários no TJ/BA. Só recebemos respostas genéricas de que ninguém aufere valor acima do teto constitucional, mas, de quando em vez, observamos no Diário do Poder Judiciário, aposentadorias com valores estratosféricos, que afrontam a própria sociedade”, revela o advogado itapetinguense.
Fabrício Moreira explica que a desativação é uma nomenclatura encontrada pelo TJ para extinguir as comarcas na prática sem a devida previsão legal, visto que, para isso ocorrer oficialmente, precisaria ser aprovada uma lei pela Assembleia Legislativa do Estado. “É uma crueldade sem tamanho contra o cidadão, sobretudo o mais carente. É deixar de amparar a sociedade em busca de uma falsa melhoria orçamentária”, avalia.              
Para a OAB de Itapetinga, o problema do Tribunal de Justiça é de gestão. Fabrício critica a ausência de uma política de longo prazo voltada ao desenvolvimento do TJ. “Todo presidente parece querer deixar seu legado: criação de Comarca, dotação de equipamentos e processo eletrônicos, Câmara do Oeste, extinção de Comarcas e por aí vai. Até quando suportaremos biênios de mesmices? O primeiro ano é utilizado para conhecer os problemas a serem enfrentados; no segundo, roga-se aos céus que o tempo de gestão termine e o cargo seja entregue”, relata.
Ainda sobre a desinstalação das Comarcas, o presidente da Subseção de Itapetinga diz que o Tribunal adotou critérios objetivos, mas desconsiderou as diferentes realidades das diversas regiões do Estado. “Pode-se até conceber, eventualmente, alguma situação que requeira a desativação, mas a regra não pode ser essa”, pontuou.  Ele lembra que a Constituição do Estado da Bahia prevê que toda cidade seja Comarca e ainda que nenhum município tenha seu juiz promovido sem que exista um substituto. “É o Poder Judiciário descumprindo a lei”, denuncia.
Para o conselheiro federal da OAB pela Bahia, Fabrício de Castro, a desativação de comarcas configura manifesto retrocesso. “Uma Comarca em um Município significa a presença do Estado, o respeito à cidadania”, afirma no artigo intitulado “Nenhuma Comarca a Menos”. O advogado esteve em Itapetinga no início deste mês apoiando o protesto da Subseção local contra a falta de juízes na cidade.
“Não podemos aceitar. A advocacia do interior da Bahia está em polvorosa. E motivos para isso é o que não faltam, principalmente porque a experiência mostra que medidas dessa natureza agravam ainda mais a prestação jurisdicional”, assevera Castro.
Para dar continuidade à discussão e tornar público seu posicionamento contra a possível extinção de comarcas, a Subseção de Itapetinga planeja realizar um evento em Itambé nos próximos dias.

Com informações da Ascom/OAB

Prefeitura de Conquista diz que mobilizações visam tumultuar o processo de recuperação do Brasil e convoca servidores para o trabalho na sexta-feira

Resultado de imagem para sede da prefeitura de conquista
Sede da prefeitura de Conquista
Foto: Secom/PMVC
Em nota divulgada pela Secretaria de Comunicação, a Prefeitura de Vitória da Conquista deixa claro que a gestão é totalmente contra as manifestações convocadas para a próxima sexta-feira, 28, tanto que, ao contrário do que foi divulgado em alguns blogs da cidade, não irá liberar o funcionalismo para os eventos.

Na nota, a prefeitura informa que estará funcionando normalmente na próxima sexta-feira, e convoca todo o funcionalismo para comparecer aos seus respectivos locais de trabalho. "Cremos que as soluções para os problemas do país se darão a partir do trabalho e do compromisso com o contribuinte e cidadão".  

Num texto com viés político, em claro ataque à antiga gestão petista, a atual administração é dura nas críticas ao evento. "Mobilizações, como essa, que visam tumultuar o processo de recuperação do Brasil, e de enfrentamento dos problemas depois de anos fantasiosos que quebraram o país, em nada contribuem para uma discussão séria sobre os rumos da nação, e as reformas emergenciais que precisamos para a retomada do desenvolvimento".

Para justificar o posicionamento, a prefeitura destaca que, "durante a reunião realizada com o Sinserv, na terça-feira, 25, o Governo foi questionado a respeito da cláusula 15ª do Termo de Negociação Salarial 2017, que visa garantir a participação do servidor municipal em assembleias, eventos e demais programações realizadas pelo sindicato". 

Ainda de acordo com a nota, "na ocasião, o Governo Municipal deixou claro que não estimula, não apoia e nem organiza movimentos; seu papel é gerenciar a cidade com um olhar de desenvolvimento para todos os munícipes".

O ofício enviado ao Sindicato, prossegue a prefeitura, "não representa uma adesão ao movimento nacional, antes sinaliza a posição do Governo em respeitar os direitos dos trabalhadores organizados, sem qualquer tipo de perseguição ou intimidação, respeitando o livre direito de expressão e democracia."

Por fim, ratifica a convocação de todo o funcionalismo para trabalhar normalmente na próxima sexta, "e assim, participar na construção desse momento em que cada cidadão deve fazer sua parte na reconstrução do Brasil". O Sinserv não se manifestou.

Prefeito de Itapetinga quer suspender na Justiça projeto da Barragem do Rio Catolé


Resultado de imagem para rodrigo hagge
Rodrigo Hagge, prefeito de Itapetinga
Foto: Sudoeste Hoje/Arquivo

A Câmara Municipal de Itapetinga realizou nessa terça-feira (25) uma audiência pública sobre a Barragem do Rio Catolé com a participação da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa). Autoridades locais e regionais, representantes de órgãos públicos e entidades de classe participaram do evento, que teve como objetivo esclarecer as principais dúvidas da população sobre os possíveis impactos da obra para os municípios do médio sudoeste baiano que fazem parte da Bacia.
O prefeito Rodrigo Hagge (PMDB) assegurou que articulará ações com o intuito de unir esforços e quem sabe conseguir, através de ação judicial, interferir no andamento desse processo licitatório. No mês passado, a Embasa anunciou que a licitação das obras da Barragem havia sido suspensa.

Na abertura do evento, o vice-presidente da Casa, vereador Márcio Piu (PSC), salientou a importância do Rio Catolé para os municípios de Itapetinga, Itambé, Caatiba e Nova Canaã. Ele explicou ainda que a iniciativa da Mesa Diretora da Casa buscou principalmente possibilitar a ampla participação popular no debate sobre esse assunto que é de grande importância para a região.

Entre as autoridades presentes estavam o prefeito Rodrigo Hagge, o vice-prefeito Renan Pereira (DEM), secretários municipais, vereadores, além do prefeito de Itambé, Eduardo Gama, e do presidente da Câmara Municipal de Caatiba, Ronaldo Souza.

Barragem do Rio Catolé: população de Itapetinga não está satisfeita com o projeto apresentado pela Embasa
População de Itapetinga não está satisfeita com o projeto apresentado pela Embasa
Foto: Gazinho/G4 TV

Composta por engenheiro, assistente social, biólogo e representante da empresa desenvolvedora do projeto da Barragem, a equipe de técnicos enviada pela Embasa apresentou as etapas do empreendimento que ficará localizado no município de Barra do Choça.

O engenheiro Gilberto Simões, representante da empresa Geotechnique, detalhou como foi feita a concepção do projeto básico e esclareceu que a finalidade da obra é garantir a sustentabilidade hídrica do abastecimento do Sistema Integrado de Vitória da Conquista/Belo Campo. Ele informou que o investimento para a construção será de R$ 180.476.073,35, envolvendo ações de sustentação que compreendem projeto de trabalho social, serviços ambientais, arqueológicos, regularização fundiária e gerenciamento.

O biólogo Tiago Chinelli pontuou os planos e programas ambientais que envolvem desmatamento e limpeza da bacia hidráulica, resgate de fauna e flora, recuperação de áreas degradadas, projeto de reabilitação da mata ciliar do Rio Catolé, monitoramento e resgate arqueológicos, programa de monitoramento da qualidade da água e dos sedimentos, programa de monitoramento e manejo de organismos aquáticos. Segundo ele, o investimento nessas ações de sustentação será de R$6.193.758,55. Tiago apresentou ainda carta de autorização do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema), mostrando que, conforme Decreto Estadual Nº 14.389, a obra está isenta de licenciamento ambiental por se tratar de município em situação de emergência em razão dos efeitos da seca.

O projeto de trabalho social foi apresentado pela assistente social Fernanda Velame. “A participação da comunidade durante todos os momentos de implantação do projeto é fundamental para que ele possa ter êxito”, declarou.

Após a apresentação da Embasa, as diferentes lideranças políticas fizeram seus questionamentos aos técnicos a respeito dos impactos da obra para os municípios que estão localizados após a Barragem. A população e entidades representativas também tiveram a oportunidade de se manifestar e fazer perguntas direcionadas aos membros da mesa de debates. Em sua maioria, os participantes não ficaram convencidos com as explicações da Empresa e se posicionaram contra o projeto por acreditar que ele privilegiou Vitória da Conquista e não considerou os prováveis prejuízos para Itapetinga e região.

A professora da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia Nelma Gusmão, por exemplo, disse que fica cada vez mais assustada quando participa de uma nova audiência sobre a Barragem do Catolé. Ela criticou, entre outras coisas, a isenção de licenciamento ambiental para o empreendimento e considerou “raso” o estudo apresentado pela Embasa. “O plano de recuperação ambiental se restringe à área da barragem”, afirmou. A acadêmica avaliou que a obra não contribuirá para a regularização da vazão do Catolé nos municípios ajuzantes.

Com informações de Ascom/Câmara

Sobre a Suíça Baiana e suas perífrases

Foto: Reprodução

De que adianta sermos conhecidos lá fora como a “Suíça Baiana”, numa perífrase que nos remete ao frio dos Alpes suíços, se não lutamos para desmistificar o estereótipo de “Baixada Fluminense baiana”, quando o assunto são os recorrentes assassinatos a sangue-frio em plena luz do dia?  

Adianta esse rótulo charmoso de primeiro mundo suíço se ainda convivemos com a “Índia baiana” uma alusão ao caótico, desordenado e criminoso trânsito urbano e periférico nas rodovias que margeiam a cidade?. 

Que felicidade temos de estarmos no friozinho da “Suíça baiana”, se estamos vendo centenas perderem o emprego, debandada em massa, lojas fecharem as portas, jovens e adultos disputando vaga no mercado de trabalho e milhares de aposentados desrespeitados em seus direitos na alquebrada “Grécia baiana”?

Podemos nos orgulhar dessa falsa condição de primeiro mundo no frio, se estamos em plena “Etiópia baiana”, cercados de pessoas famintas à cata de restos de comida e frutas e verduras podres nos contêineres de lixo do Ceasa?

Somos mesmo a “Suíça baiana” ou dividimos essa condição com a “São Paulo baiana”, na cracolândia da Rio-Bahia, em pleno trecho urbano? Deixemos de ser falsos franceses, como se a “Riviera baiana” fosse na prainha de Anagé ou nos botequins de elite nas redondezas da Avenida Olívia Flores.

Questões que merecem reflexões profundas, com a participação de todos nós. Vamos repensar Vitória da Conquista como “Vitória da Conquista baiana”, sem retoques, sem maquiagem, sem perífrases. 

A realidade é essa.

(Por Celino Souza)

Texto publicado originalmente em 11 de agosto de 2015 pelos blogs do Anderson e do Rodrigo Ferraz 

CONQUISTA - Cachorro é vítima de estupro; voluntários fazem campanha para ajudar o animal



Maus tratos aos animais é um assunto recorrente em Vitória da Conquista. E para piorar ainda mais a situação, não existe nenhum projeto de lei ou proteção por parte do poder público da cidade. Assim, além dos animais ficarem expostos a todo tipo de crueldade, o agressor ainda fica impune.
No último domingo, um caso chocou  a população. Um cachorro foi vítima de estupro. O abuso sexual foi constatado após exames na Clínica Veterinária Globo Rural. Ele chegou a clínica com dor e pele necrosada. O autor (ou autores) ainda não foi alcançado pela polícia,
O animal está internado e passou por um procedimento para retirar toda parte necrosada e recolocação do pênis no lugar. O procedimento é complicado, demorado e doloroso. Ele está usando uma sonda para poder conseguir urinar. 
O estado de saúde do animal é delicado. Nas redes sociais, um grupo de pessoas tem se mobilizado para ajudar com os valores do tratamento e internamento, e fazem um apelo para quem também puder fazer parte dessa corrente do bem.
Quem puder  contribuir com qualquer quantia, basta depositar no Banco Caixa, Agência 3543, Op 013, Conta 00009958-1, Juliano Márcio Soares Botelho.

(Fonte: Blog da Gente)

PRIMEIRA MÃO - Todos os filmes e séries que saem da Netflix em maio


Todos os meses, títulos incríveis chegam ao catálogo da Netflix, enquanto outras produções também deixam de ser exibidas depois de certo período, por questões contratuais.
Em maio, vários filmes e séries deixarão o serviço de streaming, mas ainda há tempo de ver ou rever os seus títulos preferidos. Entre os principais, A Trapaça, Esposa de Mentirinha, Os Irmãos Grimm, Precisamos Falar Sobre o Kevin, Ring – O Chamado, Meu Namorado é um Zumbi e O Retorno da Múmia, entre vários outros.
Confira, a seguir, tudo o que sairá da Netflix no próximo mês!

Em 1° de maio de 2017

A Caça
A Carta
A Conquista da Liberdade
A Recompensa de Perrier
A Trapaça
A Vida em um Dia
As Aventuras de Tintim – O Segredo do Licorne
As Crianças de Haung Shi
Battle for Haditha
Bleach (109 eps.)
Bodyshockers (4 eps.)
Brother
Buena Vista Social Club
Carros 2
Diana Vreeland
Dirigindo no Escuro
Doghouse
El Delfín: La Historia de un Soñador
Entre Dois Amores
Espanglês
Guardiōes do Dia
Invictos
Irmãs e Irmãos
It’s a Wonderful Afterlife
Joe Strummer: O Futuro Está Para Ser Escrito
Kung Pow: O Mestre da Kung-fu-são
Legally Blondes
Loucuras de um Gênio
Love the Hard Way
Malena
Max & Me
Minha Amada Imortal
Mugabe and the White African
My Name is Khan
O Combate Paranormal
O Grande Ataque
O Mensageiro
O Mistério do Triângulo das Bermudas (3 eps.)
O Último Rei da Escócia
Os Irmãos Grimm
Pecado Original
Piranha 2
Precisamos Falar Sobre o Kevin
Resident Evil: Apocalypse
Samoan Wedding
Semente do Mal
Sleepwalk With Me
Tess
Uma Lição Para Não Esquecer
Vale do Pecado

Em 2 de maio de 2017

Tickety Toc (26 eps.)
Totally Spies! (26 eps.)

Em 3 de maio de 2017

Palavras Diabólicas
Ring – O Chamado
Ring – O Chamado 
Ring 0: O Chamado
Ringu 2

Em 5 de maio de 2017

O Pastor

Em 6 de maio de 2017

O Natal dos Amigos Indiscretos

Em 8 de maio de 2017

Meu Namorado é um Zumbi

Em 9 de maio de 2017

O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos

Em 10 de maio de 2017

A Hora do Rango
Amor e Outros Desastres
Atchim e Espirro – A Turma da Casa de Chocolate
Garotas Sem Rumo
Igarapé Mágico (26 eps.)
Promessas de um Cara de Pau
Um Lugar para Recomeçar

Em 11 de maio de 2017

Cheech e Chong Atacam Novamente
Irresistível Paixão
K-9 – Um Policial Bom pra Cachorro
O Retorno da Múmia
Pelotão em Apuros
Predador Ártico
Um Sonho Chamado Fred

SUA SAÚDE - A importância das atividades físicas para a saúde do coração.

Foto: iStock

A atividade física adiciona anos à vida de quem a pratica. No dia do Coração, listamos alguns de seus benefícios e por que vale a pena sair do sedentarismo

Como anda a sua relação com os esportes? Se a sua prática tem sido condicionada a uma quantidade muito baixa, é importante reavaliar as prioridades de sua agenda.

O treinamento físico representa mais do que melhoras na vida social e autoestima elevada. Ele apresenta resultados no bem-estar físico com benefícios diretos no coração, de acordo com Fernando Morita, cardiologista do Hospital Albert Einstein. “A prática frequente de atividades físicas é uma das medidas mais eficazes para prevenção de doenças cardiovasculares, principalmente se associada com uma dieta equilibrada, abstenção do tabagismo e manutenção de peso adequado”, afirma. “O recomendado é que sejam feitas sessões de atividades entre 3 a 5 vezes por semana com duração de 40 minutos a 1 hora e intensidade moderada a intensa”, completa.

O sistema cardiovascular de uma pessoa que pratica atividade física tem um comportamento melhor do que uma pessoa sedentária, incentivo esta atitude. Esta prática melhora os parâmetros metabólicos do organismo como a redução do colesterol ruim (o LDL), aumenta o bom colesterol (HDL) e também tem efeitos sobre a glicemia e metabolismo do cálcio

4 benefícios da atividade física para o coração

1-Diminui os riscos de doenças cardíacas e estresse

“As pessoas que praticam atividade física regularmente têm redução do risco cardiovascular. As vantagens estão relacionadas à redução do colesterol e dos níveis de glicemia, pois quando praticamos exercício, aumentamos o nosso metabolismo e queimamos ‘gordura’ e ganhamos massa magra, contribuindo para diminuição da pressão arterial e do estresse”, explica Agnaldo Pispico, médico cardiologista e diretor do Centro de Emergências da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo (SOCESP). “Dieta saudável e atividade física regular são investimentos importantes para viver mais e chegar a velhice com saúde não só do coração, mas também com vitalidade muscular para aproveitar a longevidade que estamos atingindo com qualidade”, completa Pispico.

2-Promove bem-estar e felicidade

Durante a atividade física acontece a liberação de hormônios como a endorfina, responsáveis pelo bem-estar durante e após o exercício. Tudo isto junto justifica colocar a atividade física como item número um da agenda e não dar a famosa desculpa de não ter tempo para exercícios”, adverte o especialista, que reitera que a simples mudança de hábito sedentário para ativo já garante proteção ao coração.

3-Fortalece o sistema imune

Praticar algum tipo de atividade física pelo menos três vezes por semana ajuda a blindar o sistema imune. Em outras palavras, o risco de pegar uma gripe ou resfriado é menor quando você se movimenta: o corpo não tem apenas a musculatura e ossos fortalecidos, mas todos os tecidos e funções.

4-Melhora a autoestima

Não são apenas os hormônios do bem-estar os responsáveis pela melhoria da autoestima. Na verdade, é um processo bem visual. Se você está acima do peso ou quer mudar o seu shape de alguma forma, os resultados dos exercícios sobre o corpo serão o combustível para a sua autoestima ir lá em cima.

O susto que valeu a mudança

Enquanto trabalhava, o estudante de cinema Geraldo Campos começou a se sentir mal. “Certo dia senti tonturas e o coração acelerou mesmo estando em repouso. Achei que era apenas fadiga, mas os sintomas voltaram durante uma aula: tive dor de cabeça forte e falta de ar, e cheguei a ser socorrido pelos bombeiros da faculdade porque não conseguia andar”, conta Campos, que era sedentário até esse episódio e decidiu procurar um médico. “Fiz diversos exames e o meu colesterol ruim estava muito alto. Fiz um monitoramento da pressão arterial e durante o procedimento, a pressão arterial não baixava, ficava sempre em torno de 15×8 com picos de elevação. O médico que acompanhou o meu caso optou inicialmente em prescrever uma mudança nos hábitos, antes de receitar o uso de remédio para controlar a pressão. Segundo ele, na minha idade (22 anos), se o indivíduo não tiver alguma doença crônica pode reverter esse quadro de pré-hipertenso com mudanças de hábito”, conta. A justificativa para a condição do estudante tem várias faces.
Primeiro: ele consumia muito fast-food e não praticava nenhum tipo de atividade física por conta do tempo. E segundo: Campos dormia pouco, o que aumentava as possibilidades do risco de hipertensão. Com a mudança de hábitos (alimentação adequada e exercícios), os resultados foram positivos no retorno seguinte ao médico. “Hoje em dia eu peguei gosto por esse estilo de vida e pratico outros esportes, corro, ando de bike, faço trilhas, ando de skate, entre outras atividades. Além disso, os cuidados com alimentação continuam, sou conhecido entre os amigos como o ‘maníaco do rótulo’: leio as informações dos produtos industrializados atento principalmente a quantidade de sódio, antes de consumir, mas priorizo alimentos preparados em casa. E o melhor, o colesterol ruim está dentro do aceitável, a pressão segue regular dentro das diretrizes médicas, sem o uso de medicamentos”, finaliza.

Foto: Ewald Sadie
Foto: Ewald Sadie

Cuidados para iniciar uma atividade física

É preciso alguns cuidados antes de iniciar atividades por conta própria, alerta Natan Silva, educador físico e diretor científico do Departamento de Educação Física da SOCESP. “A melhor maneira de não colocar a saúde em risco é começar a se exercitar de forma leve. Sempre que possível, realizar um checkup cardiológico antes de iniciar as atividades, principalmente se a pessoa tem mais de 35 anos. Além disso, é importante ter cuidado com o sol. O ideal é que o indivíduo procure se exercitar no início da manhã ou final da tarde”, recomenda.
Ao falar da frequência que os exercícios devem ser realizados, o especialista ressalta que as pessoas que não estão acostumadas a praticar exercícios devem começar devagar, alternando os dias e totalizando, no máximo, três vezes por semana. “Com o passar do tempo, a frequência pode ser aumentada para 4 ou 5 vezes por semana, lembrando que para se obter maiores desempenhos a atividade física deve ter 30 minutos por dia” – afirma.

Dados preocupantes

– De acordo com dados do SUS (DataSus), o infarto agudo do miocárdio é a primeira causa de mortes no País. A Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo (SOCESP) aponta que, em média, uma morte ocorre a cada minuto e meio. Além disso, são cerca de 350 mil óbitos por infarto todos os anos, e metade das vítimas falece em até uma hora a partir da manifestação dos primeiros sintomas.
– As doenças cardiovasculares ainda são a principal causa de morte no mundo (17,3 milhões de pessoas morrem por ano, segundo a Organização Mundial da Saúde – OMS). De janeiro a setembro deste ano, 243 mil óbitos por doenças cardiovasculares aconteceram no Brasil, conforme levantamento do Cardiômetro, indicador do número de falecimentos causados por esse fator.
– Uma pesquisa da OMS estima que em 2024, o Brasil deve subir para a primeira posição no ranking de mortes cardiovasculares.

Mas os benefícios da atividade física não param por ai, a liberação de endorfinas proporciona nítido bem-estar aos praticantes, com melhora da sua qualidade de vida. Garante mais alegria, qualidade de sono, além da melhora da autoestima, pois reduz a gordura corporal e aumenta a massa magra, ou seja, os músculos.
Importante ressaltar que cada indivíduo deve praticar atividade física respeitando suas limitações e seus problemas de saúde. Os portadores de hipertensão e doença coronária (entupimento das artérias do coração por gordura), por exemplo, deverão praticar atividade física no período da tarde, sempre após prévia sessão de alongamento e relaxamento – que deverá ser repetida após o término do exercício. A prescrição dos exercícios e a sua intensidade precisam ser acompanhados por um médico assistente. O exercício físico deve ser individualizado e suas referências são os seus números dentro de uma programação efetiva, ou seja, ela tem limite máximo em termos de tempo, uso de aparelhos e frequência. Competições para estes indivíduos não são recomendadas.
Para os mais jovens o trabalho é mais complicado, pois geralmente as avaliações médicas são dispensadas ou feitas de forma inadequada e por estas razões presenciamos fatos desagradáveis e até fatais ocorridos com jovens que aparentemente eram normais, porém, tinham doenças estruturais no coração as quais poderiam perfeitamente ser diagnosticadas por exame cardiológico adequado. Outro fator agravante é o uso errôneo de substâncias que prometem grande ganho de massa muscular e força. Vários destes produtos já levaram a óbito muitos adolescentes, portanto o uso deles deverá ser abolido. Existem suplementos alimentares de procedência conhecida que podem ser usados. O bom senso nestes casos deverá prevalecer.
Outra dúvida é o tipo de atividade física que devemos praticar. Neste caso, a resposta é: mexa-se! A palavra de ordem é saber que o melhor é não ficar parado! Você pode andar, pedalar, nadar, dançar… A dança, por exemplo, além do condicionamento físico, proporciona bem-estar, equilíbrio e desinibição. Pontos altos para a melhora da tão falada autoestima.
Outra dica importante para avaliar se a quantidade de exercício esta sendo adequada para aqueles que não conseguem tempo para uma academia, é feita através da contagem dos passos. Existe um pequeno aparelho (por sinal barato) que marca os passos dados. Em dias de atividade física programada, a pessoa deve andar o equivalente a 10.000 passos. Explicando: o passo médio tem cerca de meio metro, portanto, esta pessoa andou, em média, 5 quilômetros. A frequência recomendada é de quatro vezes por semana.
Se você ainda não começou a praticar atividade física, faça uma avaliação médica e, se tudo estiver bem, comece a praticar e depois se compare a como era antes. As melhoras serão notáveis.
Se você já é praticante, continue, dê exemplos e incentive! Você pode adquirir saúde com suas atitudes. Esqueça o sofá, lembre-se dele após a prática de atividade física. Sua vida ficará melhor e o seu coração vai agradecer!

IMAGENS FORTES - Homem invade velório e atira contra o rosto de matador de PM


Populares do bairro Teotônio Vilela, em Ilhéus, afirmam que, na noite desta terça-feira (25), um homem invadiu o velório de Danilo José Silva Santos, que acontecia em uma Igreja do bairro, e atirou contra o rosto do morto. A ação causou pânico nas pessoas que estavam no local. Segundo informações preliminares passados por populares, um bilhete foi deixado no local, avisando que ação foi só um aviso e que não queriam que o corpo fosse velado no bairro: "Si o corpo for velado aqui na igreja ou no Vilela noiz vai faze pio" (sic). "Pio" seria uma gíria ligada a "piar", muito usada por criminosos para dizer que vão fazer "armas piar", ou seja, que vão deflagrar tiros.



Danilo foi assassinado na noite de segunda-feira (24), por volta das 22h , na Avenida Princesa Isabel, em Ilhéus. Ele havia acabado de deixar a delegacia, onde havia sido apresentado como suspeito de envolvimento no assassinato do policial militar Tyrone Thomaz, no domingo (23).

As informações são de que Danilo estava em direção a casa onde morava, no condomínio Morada do Porto, quando o veículo foi interceptado por homens que o fizeram descer do carro e deflagaram mais de 10 disparos.





Danilo foi preso em Gandu, na madrugada de hoje, após informação anônima de que um dos envolvidos na morte do policial estaria fugindo para a cidade de Salvador. Policiais civis da 7a COORPIN de Ilhéus e Policiais Militares da Cipe Cacaueira, policiais das CIPMS 68 e 69, interceptaram um ônibus da Viação Águia Branca, por volta das 02h, em Gandu, localizando Danilo.

Danilo contou à polícia que a morte do policial militar teria sido praticada por Fabricio Santana Caetano, vulgo Beiço. Disse ainda que o encarregado de dirigir o veículo usado na fuga foi Fabricio Magno de Santana, vulgo Testinha. Ele ainda informou que o mandante do crime é um interno do presídio de Itabuna, Adailton Dai.


(Verdinho Itabuna)

CONQUISTA - Jovem morto a tiros fazia apologia ao crime e uso de drogas; ele também ameaça rivais em postagens

A imagem pode conter: 1 pessoa, em pé e atividades ao ar livre

ATENÇÃO, O TEXTO CONTÉM TERMOS CHULOS E PALAVRAS IMPRÓPRIAS


- Se Meu Futuro Estiver Traçado Eu Vou Até O Fim Só Pra Ver O Resultado 🔥🎭🍁

Esta foi a última frase no perfil de Paulo Henrique Mendonça Silva, 16 anos, morto a tiros no condomínio América Unida, na noite dessa terça-feira, 26, zona leste de Conquista. Segundo testemunhas, ele foi atraído por um conhecido e, ao abrir a porta de casa, foi recebido por uma rajada de tiros. Morreu na hora.

Usuário de drogas e com várias passagens pla delegacia, segundo a polícia, PH Da'h JamaaíKa ou Mlk Briiza (gíria para moleque brisado ou sob efeito de drogas), costumava se apresentar assim em sua rede social.

Também é nela que ele mandava um "salve" aos comparsas presos, recados de saudades aos que foram mortos, além de fazer apologia ao uso de drogas, principalmente maconha e amaçava quem ousasse intervir em sua área. "
    ... Vaaai Tomaaar Satanaaaiis 😠Ruuui 💥🔥🔥🔫🔪💣"

       ... " Sou Guerreiro E Não Pago Pra Vacilar Sou Vaso Ruim De Kebrar.🍁🎭


      ... CuzãO Não Bota A Cara Que Vcs Vão Ver

A maioria dos seus 4.995 contatos no Facebook apoiava as postagens e até incentiva a prática de violência e uso de maconha, com gírias do mundo do crime. A polícia não informou se irá investigar as informações apuradas pela reportagem.

Em uma delas, um contato de nome Clarinha Marlley, relembra - numa linguagem quase inteligível - a primeira vez que usaram droga. "-Poow Veey Logooh Voox Pvt Hoje Mim Lembreiih Do Dia Qui Tavaah Eu Vox Raqueel De Boa So Na Rezenha ...Priimeiro. Dia Qui Ajemte Fumo O Barru Veey".

Assim que a morte foi divulgada, os contatos da vítima invadiram a rede social para postar mensagens de luto, de saudades e até de promessa d revide contra os inimigos dele. É o caso de um tal Ggeeh Colônbiano. "Deus meu irmaozim nao vai embora ass poxa vey e agr com qem vo desabafa eu so comfiava em voc mano poxa vey qem feis isso vai paga mano".




DESTAQUE

BAHIA - Júri Popular absolve PM por homicídio ocorrido há 17 anos

O sargento da polícia militar do Estado da Bahia Robenes Ramos dos Santos foi absolvido do caso do homicídio de Fábio Pereira Correia oco...

AS 5 + LIDAS